Corumbá/MS, Sábado, 08 de Agosto de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Quinta-Feira, 16 de Abril de 2020, 13h:41
Tamanho do texto A - A+

Doria diz que Brasil enfrenta ‘Bolsonarovírus’ e defende isolamento social

Governador de São Paulo associa relaxamento do isolamento à postura negacionista do presidente

Hélder Rafael
Capital News

Rovena Rosa/Agência Brasil

João Doria anuncia suporte as famílias das vítimas

 

Em entrevista à agência Associated Press, o governador de São Paulo, João Doria (PSDB), disse que, além do novo coronavírus, o Brasil tem como obstáculo o presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido), por sua postura contra o isolamento social.

 

Doria classificou o comportamento do mandatário como  incorreto e irresponsável. “Estamos lutando contra o coronavírus e contra o Bolsonarovírus.”

 

Diante do desafio de garantir o isolamento social na capital paulista e região metropolitana, João Doria defendeu, novamente, a recomendação como principal meio de defesa ao vírus. Em novo ataque a Bolsonaro, associou o relaxamento da quarentena à postura negacionista do presidente.

 

Segundo medição feita com base no rastreio de celular, a taxa de adesão ao distanciamento chegou a 50% nos últimos dias. Embora a meta seja 70%. “Apesar das instruções negativas que as pessoas recebem do presidente, metade da população (de São Paulo) respeita a quarentena. A resposta da população tem sido boa. Poderia ter sido melhor se não tivéssemos que usar ciência e medicina quase todos os dias para enfrentar suposições”, disse.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix