Corumbá/MS, Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Política
Sexta-Feira, 25 de Setembro de 2020, 13h:08
Tamanho do texto A - A+

Deputado cria o Código de Proteção aos Animais

Projeto tende defendê-los de abusos, maus-tratos e outras condutas cruéis

Laryssa Maier
Capital News

Luciana Nassar/Arquivo ALEMS

Dia Estadual da Eletromobilidade é instituído em MS

Marcio Fernandes

O deputado estadual Marcio Fernandes (MDB) apresentou o Projeto de Lei 180/2020, que dispõe sobre o Código de Proteção aos Animais do Estado de Mato Grosso do Sul. O objetivo é estabelecer normas para a proteção dos animais de todo o Estado, visando a defendê-los de abusos, maus-tratos e outras condutas cruéis, além de compatibilizar o desenvolvimento socioeconômico à preservação do ambiente.

 

Algumas definições foram definidas para aplicação das normas, entre elas estão as espécies da fauna nativa, sejam aquáticas ou terrestres, os animais domésticos e os animais de estimação. O projeto também prevê a revogação do artigo 36, da Lei 2990, de 10 de maio de 2005, que sistematiza a posse de cães e gatos no Estado.

 

Já em relação aos maus tratos aos animais, entre os elencados estão submetê-los a situações e práticas que ameacem sua integridade física ou emocional, os impossibilitando de satisfazer suas necessidades fisiológicas e etológicas. Confira o teor do projeto na íntegra, clicando aqui.

 

Se a proposta receber parecer favorável à sua tramitação na Casa de Leis pela Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR), e pelas comissões de mérito, sendo aprovada também nas votações em plenário, torna-se lei e entra em vigor na data de sua publicação no Diário Oficial Eletrônico do Estado.

 

De acordo com assessoria, em sua justificativa, o deputado Marcio Fernandes esclarece a necessidade destas normas de proteção aos animais. “São seres indefesos que precisam ser respeitados, e possuem características semelhantes aos humanos, estando sujeitos a sensações muito parecidas, portanto, o tratamento cruel aos animais, quaisquer que sejam eles, além de demonstrar um alto grau de insensibilidade do ser humano, é crime. Este projeto protege também o meio ambiente, e atende aos anseios da população sul-mato-grossense, que clama por um basta ao desrespeito aos animais”, destacou.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix