Corumbá/MS, Quarta-Feira, 02 de Dezembro de 2020 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Quarta-Feira, 21 de Outubro de 2020, 14h:13
Tamanho do texto A - A+

Polícia Civil recupera gados furtados em MS

Caso aconteceu na cidade de Ribas do Rio Pardo

Elaine Silva
Capital News

Divulgação/PMCG

SIG

SIG

 

Setor de Investigações Gerais (SIG) da Delegacia de Ribas do Rio Pardo, recuperaram três vacas e um bezerro produtos de furto, e conduziu à delegacia uma mulher de 44 anos, suspeita da prática do crime de receptação. Caso aconteceu nesta terça-feira (20). Os animais foram recuperados e apreendidos para devolução à vítima.

 

De acordo com a investigação da Polícia Civil, no começo deste mês, a vítima, que é gerente de uma fazenda situada na estrada da usina do Mimoso, notou que seus gados haviam sido furtados. Ela recebeu denúncias anônimas de que um gerente de uma fazenda de um cantor sertanejo famoso teria sido o responsável pelo furto dos gados, revendendo os animais aos proprietários de outra fazenda distante a mais ou menos 3 km da ponte do Rio Botas.

 

Assim que a vítima noticiou os fatos à Polícia Civil, Investigadores, acompanhados da Autoridade Policial, deslocaram-se à fazenda suspeita e verificaram que os gados furtados realmente se encontravam na propriedade, pois os animais ainda estavam com brincos e marcas da fazenda de origem.

 

Uma mulher de 44 anos, foi questionada pelos agentes que se identificou como uma das proprietárias da fazenda onde se encontravam os animais, a respeito de como adquiriu os gados, sendo por ela fornecido uma nota. Durante a verificação da nota foi observado que a marca do gado não batia com aquela estampada no couro dos animais. Existe, ainda, suspeita do crime de falsidade ideológica por quem emitiu a nota fiscal.

 

A mulher foi conduzida à delegacia e responderá pelo crime de receptação culposa. O gerente da fazenda de um famoso cantor sertanejo, suspeito da prática do crime de abigeato (furto de animais), deverá comparecer à unidade policial para esclarecimento dos fatos.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix