Corumbá/MS, Quinta-Feira, 18 de Agosto de 2022 |
27˚
(67) 3042-4141
Polícia
Sexta-Feira, 04 de Dezembro de 2015, 16h:44
Tamanho do texto A - A+

Amásio agride mulher, tenta fugir, mas muro cai sobre ele em Corumbá

No local, policiais tiveram que acionar outra viatura apra levar o homem ferido até o PS da Santa Casa local

Gilson Giordano
Capital News

E o castigo chegou mesmo a cavalo. Foi o que aconteceu com o homem identificado por Edésio de Jesus Correa, de 34 anos que acabou se dando mal, depois de ter espancado a mulher dele, identificada por Mariele Pereira Mendes, de 29 anos.


De acordo com o boletim de ocorrências policiais, número 6.554/2015, lavrado pelo delegado Fernando Araújo da Cruz Júnior, em Corumbá, município localizado na região oeste do Estado e distante da Capital a 431 quilômetros, Mariele estava em sua casa, dormindo, quando o amásio Edésio chegou completamente bêbado e sem motivos, passou a desferir nela, socos, chutes e pontapés.


Os socos desferidos pelo homem bêbado atingiram o rosto e causou um profundo corte em um dos supercílios da mulher, que atônita, não sabia o porquê da pancadaria.


O homem bateu sem justificar o porquê (se bem que não há justificativa para tal ato) e a mulher apanhou quieta, sem saber o motivo pelo qual apanhava.


Como o amásio não parava com a agressão, Mariele decidiu então acionar a Polícia Militar que foi ao endereço mencionado por ela, na Rua Gonçalves Dias, 85, entre as Ruas 15 de Novembro e a Frei Mariano, no bairro Aeroporto.


No local, Edésio, ao avistar a chegada da viatura policial, ele quis fugir e para tanto, tentou pular o muro da casa que não suportando o peso dele, acabou caindo sobre o mesmo, causando várias escoriações na cabeça e em outras partes do corpo.


Outra viatura
Diante do inusitado fato, os policiais tiveram que acionar outra viatura, que levaram Edésio com vários ferimentos para o Pronto Socorro da Santa Casa, na Cidade Branca, onde foi feito o curativo e depois ele foi para a Delegacia de Policia, tentar justificar o injustificável

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix