Corumbá/MS, Quarta-Feira, 11 de Dezembro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Colunistas
Quinta-Feira, 24 de Outubro de 2019, 12h:57
Tamanho do texto A - A+
Colunistas

5 cuidados para deixar o churrasco mais saboroso e saudável

Por Pérola Cattini

Da coluna Entrelinhas da Notícia
Artigo de responsabilidade do autor

Atenção com o preparo é essencial para evitar contato com substâncias nocivas, além de garantir uma carne saborosa

Divulgação

ColunaBem-Estar

Aquele churrasco de fim de semana pode ser o momento ideal para reunir amigos e família. Mas, se o churrasqueiro não tomar alguns cuidados, a carne pode ficar queimada e o contato com a fumaça pode causar até mesmo prejuízos à saúde. Portanto, é necessário tomar algumas precauções, para se proteger dos eventuais malefícios. Abaixo, confira cinco dicas para deixar a refeição mais saborosa e saudável.

1. Faça um pré-cozimento

O cheiro da fumaça de churrasco é muito característico e pode agradar muitos amantes de uma boa carne. Mas saiba que ela libera compostos cancerígenos e essas substâncias químicas podem penetrar na pele, como mostrou um estudo da Escola de Meio Ambiente da Universidade de Jinan, na China, publicado no American Chemical Society. Para diminuir esse impacto, uma alternativa é fazer um pré-cozimento, para diminuir o tempo que a carne passa na brasa. A dica vale para peças grandes, como cupim e costela.

2 . Faça uma marinada

Uma forma de incrementar o preparo do churrasco é fazer uma marinada, seja com vinho, cerveja, ou outros temperos, como vinagre e limão. Além de dar um sabor mais característico e diferenciado para a carne, essa medida também pode reduzir o aparecimento de substâncias nocivas ao organismo, por meio da diminuição do cozimento. São várias as possibilidades para o churrasqueiro -- basta ter criatividade.

3. Não deixe a carne tostar

Um bom papo pode fazer com que o tempo passe muito rápido. O responsável pelo churrasco, portanto, deve ficar sempre alerta para não se distrair. Se a carne ficar tostada, é sinal de que ela está repleta de substâncias ruins, além de estar ressecada e com um sabor nada atraente. Portanto, a dica é virar com frequência a peça para que ela fique selada.

4. Evite a exposição a altas temperaturas

Um bom churrasco depende de algumas condições. Uma delas é manter a carne em uma temperatura limite, para que não fique tostada e também para que conserve os valores nutricionais. Nesse sentido, se a preocupação é oferecer uma carne de qualidade e saborosa aos amigos ou familiares, mantenha a peça em uma temperatura menor do que 145°C.

5. Afaste o máximo possível a grelha do carvão

Não há uma medida ideal -- isso depende do espaço disponível --, mas a recomendação é sempre manter a grelha longe o suficiente do carvão. O limite aceitável é aquele no qual não haja perda expressiva de calor. Isso é para evitar que as chamas atinjam o alimento, condição ideal para a criação de substâncias químicas nocivas.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix