Corumbá/MS, Domingo, 16 de Junho de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quinta-Feira, 16 de Maio de 2019, 16h:54
Tamanho do texto A - A+

Presidente da Embrapa avalia os trabalhos realizados pela Unidade Pantanal

“Temos que ser criativos e temos essa capacidade”, destaca Barbosa

Flavia Andrade
Capital News

Anderson Gallo/Diário Corumbaense

Presidente da Embrapa avalia os trabalhos realizados pela Unidade Pantanal

“Temos que ser criativos e temos essa capacidade”, destaca Barbosa

 

Durante visita realizada à Unidade Pantanal em Corumbá, nesta quinta-feira (16), o presidente da Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), Sebastião Barbosa, avaliou os trabalhos realizados pela unidade do Pantanal, destacando-a como importante para o país. Em entrevista ao Diário Corumbaense, ele destacou o cenário que o Brasil vem enfrentando, mais precisamente de cortes de recursos que atingem vários setores, como as áreas de Educação, Pesquisa e Meio Ambiente, os trabalhos devem seguir de forma "criativa".

 

Para o presidente da Embrapa, Sebastião Barbosa, “Nós temos que ser criativos e temos essa capacidade. Temos que ver onde é que estão os recursos disponíveis, se são no setor privado, internacionais, ou no próprio governo, fora do ministério em que estamos (Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento). Onde é que existem recursos para que a gente possa vencer esse período difícil que estamos passando”, afirma.

 

Ainda conforme Barbosa ao Diário Corumbaense, “O governo reconhece que a pesquisa agropecuária é prioritária por tudo que fez, o que está fazendo e o que vai fazer, mas temos que entender que existem outras prioridades que o Brasil está enfrentando, como a situação da nossa educação, saúde pública, da infraestrutura brasileira, segurança pública, que precisam de recursos. O momento é de avaliar e reavaliar a Embrapa e ver quais são os recursos que vamos continuar contando da sociedade brasileira e do tesouro nacional, e como vamos buscar os recursos que a gente precisa fora do sistema. Nós somos empresa de ciência, tecnologia e inovação e isso se aplica no dia a dia da Embrapa e na nossa continuidade para garantir alimentos de qualidade, em quantidade e em baixo preço para a população”, aponta.

 

A Embrapa Pantanal, vem se destacando cada vez mais no cenário nacional, com pesquisas e desenvolvimento sustentável. Ainda conforme o presidente da instituição, a Embrapa Pantanal tem papel importante em Mato Grosso do Sul e Mato Grosso, Estados que  abrangem o Pantanal. 

 

Sebastião Barbosa destaca que,“Para o Brasil o Bioma Pantanal é muito importante sobre vários aspectos, que atingem o turismo para o país, manutenção da fauna e flora que são riquíssimas da região e de grande relevância para o Brasil. Uma unidade de característica muito própria e que está fazendo um trabalho muito importante para o país. É nossa missão produzir comida, madeira, de uma maneira sustentável, economicamente viável e socialmente desejável para continuar contribuindo com a população brasileira que terá acesso a comida de alta qualidade e de baixo custo. Isso traz geração de renda, emprego, protege e defende o nosso meio ambiente e a nossa biodiversidade.”

 

Conforme dados divulgados pela empresa, os resultados do Balanço Social de 2018 apontam que para cada R$ 1,00 aplicado na Embrapa, foram devolvidos R$ 12,6 para a sociedade, um lucro de R$ 43, 52 milhões gerado a partir do impacto econômico no setor agropecuário de apenas 165 tecnologias e cerca de 220 cultivares geradas pela pesquisa.

 

O Balanço Social apontou também a liderança da Embrapa na produção científica entre as dez primeiras instituições com maior nível de produtividade, incluindo as universidades.

 

“A Embrapa desde o início tem a preocupação de se avaliar. Exercício que fazemos todos os anos é ver o quanto ela custa para a sociedade e quanto ela retorna. Cada real investido é devolvido, propiciando benefício de ordem economia e ambiental”,conclui presidente.

 

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix