Corumbá/MS, Sábado, 19 de Janeiro de 2019 |
27˚
(67) 3042-4141
Cotidiano
Quarta-Feira, 02 de Janeiro de 2019, 09h:37
Tamanho do texto A - A+

Pedágio na ponte entre Miranda e Corumbá ficou mais caro

A Portaria foi publicada no dia 10 de dezembro

Leonardo Barbosa
Capital News

A. Ramos/Arquivo Capital News

Foto ilustrativa da Ponte do Rio Paraguai em Corumbá, trafego, trânsito, travessia

O pedágio sobre a Ponte do Rio Paraguai terá reajuste

O pedágio da ponte rodoviária sobre o rio Paraguai, na Rodovia BR-262, entre os municípios de Miranda e Corumbá, teve novos valores homologados pela Agência Estadual de Regulação de Serviços Públicos (Agepan). A Portaria nº 162/2018, publicada no dia 10 de dezembro, estabelece o valor da tarifa básica, que serve para os carros de passeio, em R$ 10,60.

 

As tarifas de pedágio cobradas pela utilização, como meio de transposição passou o valor para motos passa de R$ 5,90 para R$ 6,40. A nova tabela traz valores para diferentes veículos comerciais,  de acordo com o número de eixos. Aos automóveis com dois (eixos) o preço passa para R$ 21,20; para cinco (eixos) chega a R$ 53,00, enquanto que para dez (eixos) passa a ser cobrado R$ 106,00. As tarifas entraram em vigor a zero hora deste dia 1º de janeiro de 2019. O reajuste foi de 7,07% em relação a 2018.

 

Ficam isentos da cobrança de pedágio os veículos de propriedade da União, dos Estados, do Distrito Federal e dos Municípios, e os veículos pertencentes aos estados estrangeiros e destinados as suas representações diplomáticas, conforme informou a assessoria de comunicação do Governo de MS.

NENHUM COMENTÁRIO

Clique aqui para "COMENTAR ESTA NOTÍCIA" e seja o primeiro a comentar!
Nenhum comentário ainda, seja o primeiro!

LEIA MAIS SOBRE ESSE ASSUNTO

Trinix